Como fazer compostagem doméstica

A.    O que é compostagem?

A compostagem é um processo natural de transformação da matéria orgânica em compostos mais simples que podem ser utilizados como nutrientes pelas plantas. Se observarmos uma floresta, cada resíduo, seja ele de origem animal ou vegetal, é reaproveitado pelo ecossistema como fonte de nutrientes para as plantas que, em última análise, são o sustentáculo da vida terrestre. Na compostagem doméstica, vamos fazer em nossa casa o que a natureza leva fazendo milhões de anos. Temos apenas que fornecer as condições adequadas para este processo.

11

B.     Quem realiza este processo?

A compostagem é realizada pelos próprios microorganismos presentes nos resíduos em condições ideais de temperatura, aeração e umidade. Estes micro-organismos vão decompor e estabilizar os compostos constituintes dos materiais liberando dióxido de carbono e vapor de água. Porém, para acelerar o processo podemos adicionar mais micro-organismos.

C.    A compostagem vai causar odores indesejáveis?

    Se o processo for realizado corretamente não deve causar nenhum odor indesejável. Voltando ao exemplo da floresta,  onde tem uma grande quantidade de matérias em processo de decomposição, o  cheiro é agradável, pois na floresta acontece uma decomposição na presença do ar, também chamada de aeróbia. Neste tipo de processo só é liberando dióxido de carbono e vapor de água, os dois gases inodoros.

     Quando a decomposição acontece sem a presença do ar chamamos a isto de anaeróbia. Neste caso acontece uma putrefação da matéria, liberando geralmente metano e sulfato, gases com odor   desagradável.

      Seguindo uma simples dica vamos fazer que nossa composteira não tenha nenhum cheiro indesejável.

D.    Que precisamos para fazer adubo do lixo gerado em casa?

A composteira: É o recipiente onde vamos colocar os restos orgânicos. Existem vários tipos de composteiras, e até mesmo podemos construí-las com paletes, baldes de plástico ou caixas de madeira. Também podemos comprar uma composteira, recomendando neste caso que você opte por um misturador de plástico, e se possível que este seja duplo. O misturador  é um tambor que, quando gira, oxigena o composto de forma bem eficiente. É importante que nossa composteira tenha um sistema  na parte inferior para deixar escorrer o chorume (o líquido viscoso, percolado, de cor marrom escura, que se forma durante o processo de decomposição dos alimentos que também pode ser usado como biofertilizante)

composteiras

Acelerador de compostagem: Produto biológico que atua no processo de aceleração da compostagem. Os microrganismos presentes em sua fórmula agem proporcionando a adequação da flora microbiana do processo de compostagem ao concorrerem com microrganismos indesejáveis. O produto permite que o composto seja estabilizado em menor tempo e com melhor qualidade.

Lixo orgânico. Em teoria todos os produtos orgânicos podem ser colocados na composteira. Porém, para evitar maus odores e problemas no processo, recomendamos evitar alguns produtos.

como fazer compostagem

A chave para fazer um bom composto é ter uma mistura balanceada de ingredientes no material a compostar, que será a comida dos microorganismos. É importante que a comida dos microorganismos tenha duas vezes mais carbono do que nitrogênio. Mas não precisamos fazer uma análise química do material, simplesmente precisamos saber quais elementos são ricos em nitrogênio e ricos em carbono. Veja exemplos abaixo:

VERDES (ricos em nitrogênio) MARRONS/SECOS (ricos em carbono)
  • Folhas verdes
  • Grama
  • Plantas novas e as partes novas das plantas
  • Restos de comida
  • Borra de café, chá…
  • Serragem de madeira
  • Papelão
  • Papel de jornal
  • Restos de poda
  • Folhas secas
  • Caixas de cartão

Necessário apenas classificar elementos ricos em nitrogênio como verdes, elementos ricos em carbono como secos. Para que nosso processo de compostagem dê certo, precisamos colocar o dobro de elementos secos do que verdes.

Geralmente quando fazemos compostagem em nossa casa temos muitos elementos verdes e poucos secos. É por isso que precisamos adicionar serragem ou papelão, para que nosso material a compostar esteja equilibrado.

E.    Fazendo compostagem

1. Colocando a composteira: Se possível, coloque a composteira perto da cozinha; assim fica mais fácil o descarte de restos de comida. É importante que ela fique num local arejado e sombreado, por exemplo, em baixo de uma árvore.

2. Materiais a compostar: Recolha e misture materiais verdes e secos apropriados para a compostagem (ver tabelas). Lembre-se que  devemos ter duas vezes mais elementos secos do que verdes. Como falamos anteriormente o lixo orgânico doméstico é geralmente rico em elementos  verdes. Adicione cada dia um pouco de serragem, palha seca ou papelão as composteiras.

3. Colocando o lixo na composteira: O ideal e encher a composteira de uma única vez. Porém, a maioria das vezes não é possível fazer isto. Nestes casos precisamos ter duas composteiras ou uma composteira dupla. Em uma das composteiras direcionaremos o lixo, enquanto na outra deixaremos o material a compostar.

composteira1 composteira2

4. Controlando o processo de compostagem: Para se desenvolver  bem, os microorganismos  precisam de condições adequadas de areação, umidade e temperatura.

– Os restos orgânicos devem estar úmidos, mas não molhados. Caso o material fique muito seco colocaremos um pouco de água.

– Devemos remexer o material uma ou duas vezes por semana para permitir  a areação.

– Devemos controlar para que a temperatura não supere os 70 graus. Se ocorrer, remexa os materiais.

5. Inoculando microorganismos: Como falamos anteriormente, são os microorganismos que realizam o processo de compostagem. Para melhorar o processo vamos adicionar  um acelerador de compostagem. Nós recomendamos usar extrato pirolenhoso ou Bokashi ou oleo pirolenhoso, uma técnica japonesa de inoculação de microorganismos benéficos. Uma vez por semana colocaremos na composteira o acelerador de compostagem seguindo as recomendações de dosagem do fabricante.

6. Como saber se a composta está pronta? No final o composto deve apresentar um aspecto, no qual não é possível distinguir os tipos de materiais. Ele deve ter a cor escura e cheiro de terra. Quando esfregarmos nas mãos, elas não ficaram sujas.

Adubo feito em casa

F.    Resolvendo problemas

SINTOMA PROBLEMA SOLUÇÃO
Cheiro de amônia Excesso de nitrogênio (materiais verdes) Adicione mais carbono (materiais secos)
Cheiro de ovo estragado Pilha muito úmida ou compacta. Revire o material. Adicione mais materiais secos.
Decomposição lenta Material muito seco ou pilha muito pequena. Pode ser por causa da falta de nitrogênio (materiais verdes) ou de oxigênio. Adicione água. Faça uma pilha maior. Acrescente materiais ricos em nitrogênio (materiais verdes)
Ratos e camundongos Uso de material errado. Não use carne, peixe ou pedaços de gordura.
Vapor Excesso de nitrogênio (materiais verdes). Ou a pilha está muito grande para ser removida de forma apropriada, deixando o meio muito quente. Adicione mais material rico em carbono (materiais secos). Reduza o tamanho da pilha.

Autor: Miguel Lancho Jiménez

105 thoughts on “Como fazer compostagem doméstica

  • Marcio

    Boa noite. Muito boa esta matéria. Gostaria de saber se é possível fazer uma composteira domestica sem o uso de minhocas, apenas com o uso de microorganismos? Obrigado.

  • Jéssica Cristiana Góes dos Santos

    Olá, parabéns pelo blog!
    fiz uma composteira a uma semana e quando vou abrir pra colocar os resíduos, vejo que saem uns mosquinhas e larvinhas dessa mosca ( Drosophila melanogaster). Essas moscas fazem mal a composteira e as minhocas? O que fazer para acabar com elas?

    ATT, Jéssica Cristiana

    • MundoHorta

      Olá Jéssica, obrigado!
      As moscas não prejudicam a compostagem, porém é bom evitá-las por higiene.
      Elas aparecem principalmente devido a alta humidade. Para evitá-las você deve cobrir bem o composto orgânico com matéria seca (como serragem e folhas secas) e também, você pode vedar as saídas de sua composteira com alguma tela como voal, ou tecido arejado. Isso vai ajudar a arejar a compostagem e impedir a entrada das moscas.
      Att

  • Celso A. Pellin

    Olá boa tarde gostaria de saber se pode colocar serragem de mdf sim ou não obrigado é um abraço Celso

    • MundoHorta

      Olá Celso, boa tarde!
      Sim, pode sim. Caso haja minhocas na sua composteira, o ideal é serragem mais grossa para que possa dar espaço para o oxigênio. Ok?
      att,
      Equipe Mundo Horta

  • Gislayne

    Adorei a matéria e o blog, parabéns!! Esclareceu muitas das minhas duvidas.

    Eu tenho uma chácara, e sobram muitas frutas das arvores, sendo elas pitanga, acerola e Jaboticaba. Gostaria de saber se posso utiliza-las na compostagem? Se sim, as frutas que caem no chão podem ser utilizadas? Preciso picar ou triturar?

    Obrigada!

    • MundoHorta

      Olá Gislaune, obrigado!
      Sim, pode sim. Se você picotá-las ou triturá-las vai acelerar o processo de compostagem, podendo obter seu adubo orgânico mais rápido.
      Att,
      Equipe Mundo Horta

  • Claudia

    Ola! Trabalho em uma escola publica e estamos com projeto de fazendo com a participação dos alunos uma horta e fazer compostagem com os resíduos da merenda ( resto e cascas de frutas, legumes e verduras). Pensamos em fazer uma pilha de resíduos no chão cercando com tábuas de madeira, mas tenho algumas duvidas. É preciso tampar os resíduos com plastico preto? O pó de café pode ter açúcar? É necessário colocar minhocas? Qual o tempo médio de compostagem?

    Grata.

    • MundoHorta

      olá, a pilha deve ser coberta com material vegetal seco, não necessita de plástico, só se estiver chovendo muito. Nada que tem óleo, sal e açúcar vai pra composteira, as minhocas ajudam a acelerar o processo e enriquecer o composto, e o tempo varia muito com os materiais utilizados na composteira mais geralmente de 3 a 4 meses. Att.

  • LEONARDO

    Bom dia Mundo Horta,
    Estou começando a desenvolver uma compostagem doméstica, e gostei muito da matéria de voces, minha dúvida é se posso utilizar cinza de lareira na compostagem para acelerar o processo.
    Grato.

    • MundoHorta

      Olá Leonardo, as cinzas vão ajudar a melhorar a qualidade nutricional do seu composto, porém não irá acelerar o processo. Att.

  • Parabéns ! Pela inciativa de postar sobre um assunto de tamanha importâcia. O PLANETA agradece juntos as pessoas que dele cuida ! VIVA Á NATUREZA ORGÃNICA !

  • Rodolfo Falconi Gomes

    Pessoal Obrigado pelas respostas para minhas perguntas.
    Moro em Petropolis, regiao serrana do Rio e aqui é frio e mt umido. Comprei dois baldes de 60 Litros e estou fazendo a compostagem neles.
    O composto nao esta esquentando e os alimentos estao ficando mofados.

    1 -Pq sera q o composto esta mofando? Seria excesso de umidade? como posso resolver?

    2 – o composto precisa receber sol diretamente ou pode funcionar dentro do balde?

    gostaria de enviar umas fotos. meu email é rod.falconi@gmail.com

    mais uma vez mt obrigado.
    abs

    • MundoHorta

      Olá Rodolfo, temos o nosso email contato@mundohorta nele você pode nos enviar fotos e dúvidas também.
      1- O composto provavelmente não está aquecendo e mofando pois está úmido demais ou está com pouca matéria seca.
      2- Ele pode receber o sol da manhã e do final da tarde, não é necessário o sol para ocorrer o processo.
      Nós que agradecemos e ficamos à disposição para qualquer dúvida.

      • Anônimo

        Eu já aproveitava menos comida eu coloca terra ppra não dá mal cheiro e o po de café agora adorei vou fazer dessa maneira muito Obrigado

  • joaquim

    Olá e Parabéns pelo blog.

    Fiz uma composteira e confesso que joguei mais restos de legumes e frutas, do que a proporção indicada pra matéria seca (folhas seca). Essa composteira eu fui adicionando os restos de vegetais a medida que iam sendo produzidos pela cozinha de casa. Iniciei já a uns 3 meses e ela encheu já faz um 1. Agora ao abri-la, removendo um pouco o material não consegui localizar as minhocas que soltei nela e também verifiquei a presença de certos “ovinhos ocos por dentro” em formato semelhante ao de cápsulas de remédio manipulado. Será que minha composteira não deu certo?
    Ficaria muito agradecido em responder pois estou na dúvida quanto a sua possibilidade de utilização quando estiver pronta.

    • MundoHorta

      Olá Joaquim, a composteira necessita de material seco (folhas, serragem, etc.) para o sucesso do processo de decomposição. É normal encontrar alguns ovos de inseto e outros bichos que estão lá para auxiliar esse processo. Tente adicionar material seco e ir revirando a leira de compostos para promover a aeração. Qualquer novidade favor nos informar. Att.

  • Ola mundo horta, parabens pelo Blog.
    Venho me dedicando a compostagem e tentando acertar a mao. Me ajuda nas duvidas abaixo, por favor?

    1 – É verdade que é bom misturar um pouco de terra, pois ela tem microorganismos que ajudam na compostagem? Ou isso é mito?

    2 – vejo modelos de colocar em camadas, uma rica em carbono e outra rica em nitrogenio e assim por diante ate preencher a composteira com uma ultima camdada de carbono.
    Se ao invez de colocar em camadas eu misturar com folhas e serragem, e depois levar a composteira, nao seria melhor?

    3 – Quanto tempo dura a fase termofila (a que gera mt calor) e qnts dias ela leva pra começar?

    4 – Minha composteira esta esquentando mt pouco e depois de menos de uma semana ela esfria, qual pode ser o problema?

    att

    • MundoHorta

      Olá Rodolfo, muito obrigado pelo contato.
      1- É verdade sim que ao misturar terra você adiciona os microorganismos que ajudam na compostagem, porém também adiciona alguns maléficos, isso vai depender muito da ecologia e da saúde do local onde a terra foi retirada.
      2- Essa camada pode ser feita de várias maneiras, tanto fazendo camadas alternadas como ricas em C e N juntas, lembrando que no meio do processo você ira revirar tudo.
      3- Essa fase termofila pode variar sua duração dependendo do tipo de matéria orgânica e pode durar torno de 30 dias.
      4- Sobre sua composteira estar muito fria, pode ser muita água, muito material vegetal, entre outros.
      Qualquer dúvida estamos à disposição
      Att.

      • Carlos Souza

        Boa noite Mundo Horta, parabéns pelo trabalho de voces. Tenho duas perguntas/duvidas:

        1- Se adicionarmos o próprio chorume diluído em água (não sei a dosagem) e aspergirmos na mistura conseguimos acelerar o processo de compostagem?

        2- Quanto ao Bokashi ou Extrato Pirolenhoso, veja as instruções para aplicar em plantas, orquídeas, hortas, etc…, mas qual dosagem devo utilizar para aspergir na Compostagem e quanto de quanto em quanto tempo?

        Grato pela atenção;

        Carlos Souza

        • MundoHorta

          Boa tarde Carlos, muito obrigado pelo contato.
          O chorume pode ser utilizado como adubo líquido, se adicionado novamente na mistura ele não irá acelerar o processo de compostagem, para acelerar o processo de compostagem é recomendado utilizar algum inoculante com microorganismos eficientes, o Bokashi cumpre essa função. O Extrato Pirolenhoso é recomendado para ser utilizado no solo para ser absorvido pelas plantas ou diretamente nas plantas. A dosagem para o Bokashi ser adicionado à composteira é de 2 colheres de sopa por cada 10 litros de lixo. Já o Líquido Diluir 10 ml de Bokashi (2 colheres de chá) por cada litro de água e aplicar semanalmente na composteira. O Extrato Pirolenhoso tem a dosagem de 3mL para 1L de água.
          Espero ter solucionado suas dúvidas e qualquer outra estamos à disposição.

  • Núbia

    Ah, eu queria saber também o seguinte: me ensinaram a bater no liquidificador borra de café, casca de frutas,menos as cítricas, e casca de ovo. Feito isso, vc cava 2 dedo de terra da sua planta, despeja o líquido e em seguida cobre com o restante da terra que vc tirou. A pessoa disse que é um excelente nutriente para as plantas. Está correto?
    Obrigado!

  • Carlos Antônio Pereira

    Bom dia a todos.
    Parabéns pelo documento.
    Moro em uma chácara com muitas árvores do cerrado. Minha pergunta é: A parte verde da compostagem poderia ser folhas novas das árvores do cerrado? Pretendo fazer a compostagem em uma caixa d’agua de 1000 litros. Assim, pretendo fazer um preparo único, para durar todo o tempo de decomposição indicado.

  • tatiana guimaraes da silva

    Boa noite!!! Há 1 mês comecei minha Composteira, toda semana tirando o chorume normalmente, com um leve cheiro de terra, na semana passada comprei 150 minhocas californianas e hj( sábado) fui colher o chorume e está com um leve cheiro de esgoto, as únicas coisas q mudei nas Composteira foram as minhocas e tbm q parei de mexer por dois motivos: está cheia e tbm com as minhocas, outra coisa tbm é q tenho uma grande dúvida de como as minhocas irão subir para a outra se onde elas estão n está cheia pela boca, devido aos buracos laterais, fiz no tamanho de 6 mm e com certeza elas podem passar tranquilo… Desculpe o incômodo, é q já pesquisei e n achei resposta. Obrigada!!!

    • MundoHorta

      Boa noite Tatiana, o cheiro um pouco desagradável do chorume pode ser normal, sobre as minhocas, a caixa deve estar cheia para as minhocas conseguirem subir de uma caixa para outra.
      Att.

  • Mariana Cioca

    Olá, gostei muito do blog!! Me deixou muito entusiasmada para começar uma composteira na minha escola, afinal lá temos muitas sobras da cantina (a diretora até já aprovou o projeto), todo o composto será utilizado para melhorar nossa horta orgânica, porém não sabemos ao certo onde armazenar os restos, fazer isso dentro de um latão de lixo fechado da certo? Se não, teria alguma ideia viavel de qual a melhor forma?
    Agradeço desde já!

    • MundoHorta

      Olá Mariana, os restos podem ser armazenados em um latão de lixo, o ideal é jogar na composteira o alimento mais fresco possível.
      Att.

  • Aristides

    Olá! Gostaria de saber se posso fazer no chão mesmo apenas cercando com tábuas de madeira. Ótimo blog.Aguardo a resposta.Abraço!

    • MundoHorta

      Olá Aristides, boa tarde.
      Sim você pode fazer no chão fazendo um cercadinho, porém não vai ter como retirar o chorume líquido. Obrigado pelos elogios, continue comentando.
      Att.

      • Roberto

        Olá André, excelente conteúdo, gostaria de tirar uma dúvida, o chorume que escorre da composteira pode cair diretamente na horta ? ou tem algum procedimento adicional ou tempo para ser usado ?

        • MundoHorta

          Olá Roberto, o chorume pode ser utilizado porém é recomendado utilizar diluído na proporção 1 parte de chorume para 10 partes de água. Ele pode ser armazenado em garrafas pet por meses.
          Att.

    • Núbia

      Olá boa noite!
      Uma dúvida…a borra de café não entraria nos itens marrons e não verdes?
      Eu posso fazer minha compostagem usando apenas borra de café, casca de frutas , casca de ovo e folhas secas?
      Obrigado!

      • MundoHorta

        Boa noite Núbia, a borra de café entra nos itens verdes por ser rica em nitrogênio. E sim pode ser feita compostagem com esses itens que você citou.
        Att.

  • André

    Olá,
    uma grande dúvida que eu tenho é sobre a diferença de eficiência do processo de compostagem (como apresentado aqui) e o processo de vermicompostagem. Vejo muita coisa sore os dois, mas há pouco material comparando-os. Queria saber sobre qual é mais adequado para o uso doméstico e para o uso em média escala, em um sítio por exemplo.

    Abraços.

    • MundoHorta

      Olá André, boa tarde.
      Os processos de compostagem e vermicompostagem são muito semelhantes, porém na vermicompostagem é a minhoca que irá realizar a decomposição majoritariamente. Para uso doméstico os dois são muito bons, porém com a vermicompostagem o processo é mais rápido, e deve-se tomar cuidado para as minhocas não irem embora. Já em uma composteira em um sítio por exemplo, fica mais difícil ter o controle das minhocas e tembém pode ser utilizado um esterco ou cama de frango em que as minhocas não vão gostar tanto e a temperatura alta pode matá-las também.
      Att

  • Yale

    Olá..
    Estou fazendo uma compostagem aberta.
    Separei um quadrado do meu jardim e fertilizei essa área, inclusive com minhocas.
    E comecei a colocar meus resíduos(apenas restos vegetais – e nao coloco alimentos cozidos nem processados) e cobrir com folhas secas.
    Durante duas semanas foi ótimo.. Um rápido processo de compostagem
    Mas agora estou me deparando com aquelas larvas branquinhas (acho que de mosquito)
    e não fiquei muito feliz com isso..

    Qual seu pensamento sobre uma compostagem dessa forma e qual poderia ser a causa das larvas? É okay ?

    • MundoHorta

      Olá Yale,
      A forma como você está fazendo a composteira está ok, recomendo a utilização de folhas secas e também a serragem para cobrir seus resíduos, pois a serragem apresenta uma maior relação Carbono/Nitrogênio, que irá tornar seu composto mais rico.
      Não vejo problemas no aparecimento de larvas na composteira, porém uma maneira de evitá-las é cobrir bem o resíduo, de modo à dificultar o pouso das moscas que irão depositar suas larvas.
      Att.

  • Altair

    Boa tarde! Parabéns pelo blog!
    Cascas de maracujá podem ir para a composteira ou vermicomposteira?

    • MundoHorta

      Olá Altair, obrigado por comentar.
      Sim as cascas de frutas em geral podem ir pra sua composteira.
      Att.

  • MARINA ZICA ANTUNES SILVA

    Ola estou fazendo uma composteira em minha casa, e estou usando um antigo vaso, então ele eh todo fechado, tem algum problema? ou eh so fazer um furo na parte lateral inferior? gostaria de saber se posso usar terra ou tem de ser serragem msm? agradecida
    Marina zica

    • MundoHorta

      Olá Marina, não tem problema o vaso ser fechado não, desde que seja revirada a leira de composto. É recomendado o uso de serragem ou qualquer outro tipo de material vegetal (folhas, pequenos galhos, grama e etc.) sendo que a serragem é o material que torna o composto mais rico é a serragem pela maior relação c/n que ela possui.
      Att.

  • Fernanda

    Boa tarde! Fiz uma composteira e percebi 02 problemas: a presença de bisouros da banana dentro do recipiente, que fica fechado, mas tem os buraquinhos para a entrada do ar. O outro é a presença de micros bichinhos que além de andar na parede do balde também os encontrei na parte externa. Como acabar com eles… Tenho receio que se espalhem pela casa.
    Att,

    • MundoHorta

      Boa tarde Fernanda, a presença de alguns animais é inevitável e até essencial para os processos de decomposição ocorrerem, a melhor dica que posso dar para que esses bichinhos e insetos não irem para a parte externa da composteira é cobrir bem com serragem e/ou material vegetal picado.
      Att.

  • Luisa

    Olá, bom dia!! Tenho uma composteira feita em ripas de madeira com duas divisórias em casa. Mas não acho que ela esteja dando bons resultados, apesar de não colocarmos comida, já notamos buracos no chão que podem ser de ratos e camundongos. A composteira pode estar em contato com o solo ou precisa ser tapado?? Obrigada e parabéns pela matéria!

    • MundoHorta

      Olá Luisa, bom dia!
      A composteira pode estar em contato com o solo, mais como você tem problema com ratos recomendo fazer em um recipiente fechado que possa ser aberto e revirado de vez em quando (ou com furos que os ratos não consigam entrar).
      Espero ter ajudado e qualquer dúvida estamos a disposição.
      Att

  • Rodolfo Falconi Gomes

    É Verdade que o chorume pode ser usado como inseticida natural?

    att

  • shirlene

    Olá, prezado!
    Tenho experimentado fazer a compostagem utilizando uma lixeira de cozinha pequena, e reutilizando o material orgânico nas plantas com tranquilidade, porem sem sucesso quanto ao chorume, então resolvi mudar o vaso e como trabalho com crianças fiz a experiencia com galões de água para posteriormente levar para o local de trabalho, mas continuo sem a produção do chorume e tem atraído mosquitos além de uma produção que parece terra granula/pó, este cai no chão e fica na parte inferior da tampa.
    Preciso que me informe o que estou fazendo de errado. Por favor!

    • MundoHorta

      Olá Shirlene, não consegui entender muito seu problema da terra que cai no chão. Quanto aos mosquitos pode ser que você esteja colocando pouco material vegetal junto com o seu lixo orgânico. Já o chorume, pode ser por causa da umidade da leira de composto, você poderia me especificar melhor sobre o recipiente e o modo que tem feito a composteira?
      Att

  • Gostaria de obter cotações sobre os preços de composteiras.

    abraços

  • Andréia Rolim

    Adorei….*-*
    Tô quase no fim do meu curso técnico em agronegócio, e meu PCCT será sobre compostagem doméstica. E amei tudo, me ensinou bastante e com certeza usarei como minha referência no meu trabalho..parabéns

  • Nossa, excelente matéria. Super completa. Vou me dedicar a redução de lixo durante esse ano e a composteira certamente é um dos meus planos. Obrigada pelo excelente post

  • Francinaldo Rego Rocha

    Olá. sou professor de Ciências, gostaria de saber se restos de comida tais como macarrão, arroz, feijão podem ser utilizados para se fazer a compostagem? E as formigas? como posso evitá-las?

  • Carolina

    Gostaria de fazer compostagem em casa com um tonel de 110 litros que tenho. Há necessidade de furá-lo? Se sim, em qual local? O fato de ir preenchendo o mesmo aos poucos, prejudica o processo de alguma forma?
    Se possível gostaria de mais detalhes sobre o uso dos “elementos marrons” e suas proporções com os verdes.
    Grata.
    Carol

  • Rafael

    Olá,
    Possuo uma composteira pequena em casa há mais de ano. Hoje quando fui alimentá-la, percebi um cheiro desagradável de material em decomposição. Percebi também inúmeros ovinhos e “besourinhos” minúsculos por todo o minhocário. O que está acontecendo? É possível reverter o processo? Alimento o minhocario exclusivamente com material orgânico. Obrigado!

    • MundoHorta

      Olá Rafael.
      O que tipo de material orgânico está colocando? Pode ser que esté colocando materiais não adequados. Att

  • Jorge Pompeu

    Boa noite,
    Estou programando uma composteira domestica com as dicas do site, o produto que vcs sugerem, o Natupirol, é diluido em agua? Ou usado puro? Eatou vendo aqui no site para comprar e preciso saber a quantidade que devo adquirir.
    Obrigado

  • Gostaria de fazer uma composteira caseira, será que posso fazer um buraco no chao, e passar a enterrar cascas de legumes e folhas secas e tampar com terra, e quanto tempo demora para se tornar um adubo?

    • MundoHorta

      Bom dia Claudio.
      Eu nunca fiz compost num buraco no solo. Acredito que vai ter problemas de falta de oxigénio. É mais fácil fazer uma pilha com pallets e vai dar um melhor resultado.
      Att

  • Bom dia a todos curiosos em sustentabilidade aprendemos muito com a natureza e seus poderes de alto se compor. Tenho uma horta e no meio do canteiro tenho um balde pequeno onde coloco todo o resto de cozinha aterrado com tampa e um furo no fundo assim funciona como um estomago dessa forma a terra fica bem nutrida.

  • MundoHorta

    Prezados, estávamos com problemas no blog. Desculpem a demora nas respostas. Sim a informação está errada, são duas vezes mais elementos marrons do que verdes. Se precisarem de mais informações podem contatar conosco: contato@mundohorta.com.br

  • o meu nunes ,boa tarde eu gostari de seber como comprar este recipiente para este resipiente para produzir a compostagem ou eu mesmo contruir .se puder made as dicas para meu email

  • Darlene

    Gostaria de saber que tipo de compostagem poderia usar para grandes geradores de resíduos. Na faixa de 7 toneladas por mês.

  • Paula Mariucci

    Olá. Estamos fazendo um trabalho de conscientização na empresa que trabalho, e estamos tentando implementar uma composteira em nosso ambiente de trabalho para reciclar o lixo orgânico. Gostaria de saber os custos para adquirir uma e se ela já viria pronta para uso e também se tem alguma cartilha explicativa?
    Aguardo um retorno de vocês e quem sabe poderemos negociar futuramente. Desde já agradeço.

  • Luciano

    Tenho uma floreira em casa. Posso colocar materiais organicos de origem vegetal e misturar com a terra. Esse material vai ser compostado?

  • Paulo R. Silva

    Bom dia, no item “D” …dos microorganismos tenha duas vezes mais carbono do que nitrogênio… E logo a seguir
    diz assim:… dê certo precisamos colocar o dobro de elementos verdes do que marrons.
    Qual a informação é a correta? Obrigado.

    • Maria Bernadete

      PAULO,
      A informação está truncada. O correto é 2 porções de carbono (marrom) para cada porção de nitrogênio (verde).
      Bernadete

    • MundoHorta

      Olá. Sim a informação está errada, são duas vezes mais elementos marrons do que verdes. Obrigado

  • Laura Ramos

    Olá, primeiramente quero dizer que adorei a matéria, está muito completa e de forma clara para a compreensão de qualquer um, leigo ou entendedor. Tenho duas duvidas ainda: Posso usar garrafas de plástico para como ( garrafas de refrigerante ou água mineral ) para fazer minha composteira ( vi em outro site)ou como posso fazer uma pequena composteira? Esse composto para agilizar o processo é mesmo necessário e se for onde acho?

    • MundoHorta

      Olá Laura. As garrafas de plástico são pequenas de mais para usar como composteiras. O acelerador de compostagem agiliza o processo mas pode ser realizado sem ele. Nos temos o produto. Se quiser, entre em contato conosco.

  • Marcelo

    Recém fiz minha composteira em casa e estou tendo dificuldades em encontrar material marrom pra colocar dentro. Posso utilizar praticamente so jornal e papelao na camada de material marrom? Obrigado!

  • Hori

    Parabéns pela iniciativa e pela matéria!

    Permacultura e autossustentabilidade poderá salvar o mundo!

    Sobre o texto fiquei com uma pequena dúvida:

    É importante que a comida dos micro organismos tenha duas vezes mais carbono do que nitrogênio… Necessita apenas classificar elementos ricos em nitrogênio como verdes, elementos ricos em carbono como marrons. Para que nosso processo de compostagem dê certo precisamos colocar o dobro de elementos verdes do que marrons.

    Eu entendi errado ou o texto está se contradizendo.

  • Davi

    Olá!
    Tenho aquela composteira de plástico com 3 compartimentos. Uso minhocas no processo e fica na sombra. Está dando milhares de besouros castanhos minúsculos e larvas tbm minúsculas. ficam sob a tampa e nas laterais da 1a caixa. O que será? O humos pode ficar insfestado e contaminar a horta?
    Posso lhes enviar fotos.
    Att.: Davi

  • Alexandre Alberto Pereira

    quanto fica uma composteira dupla?

  • wilson roberto de moraes

    TENHO UM AMIGO QUE MORA EM NEW YORK, ELE DISSE QUE ALGUNS RESTAURANTES USAM COMO METODO ACRESCENTAR MINHOCAS NAS COMPOSTEIRAS,ISTO PERMITE QUE SEJAM APROVEITADOS QUAISQUER TIPOS DE COMIDAS(TEMPERADAS OU NÃO).TEM FUNDAMENTO,VOCE CONHECE OU JA OUVIU ALGO ASSIM.

  • Reinaldo Maia

    Olá bom dia !
    Vamos lá algumas dúvidas:
    Tenho aqui em casa uma terra comprada que,dizia-se rica em húmus e nutrientes. Más percebi que trata-se de uma terra fraca e sem nutrientes,pois as minhas plantas não foram pra frente .
    peguei essa terra e a coloquei em um saco de nylon o mesmo que ela veio e comecei a jogar os restos orgânicos que produzimos aqui em casa ,sempre molhando um pouco qdo depositamos mais restos ! esse procedimento é correto para melhorar a qualidade da terra ? Oque devo fazer se estiver errado?
    Desde já agradeço

  • Estou enviando meu cep para saber como obter os equipamentos.

  • Valdir

    Bom dia,
    Enviei essa mensagem para tirar uma dúvida…
    Quando era criança, lembro de ver minha avó recolher as cascas dos vegetais, picá-los em pedaços menores e enterrá-los nos vasos de plantas, dizendo que “fazia bem” para as plantas.
    Gostaria de saber se isso é verdade e se poderia fazer isso com as plantas que tenho em casa.
    E se poderia fazer isso com uma frutífera, ainda jovem, em um vaso, um pé de fruta-de-conde.
    Agradeço pela atenção e aguardo uma resposta, se possível for.
    Grande abraço,
    Valdir.

    • MundoHorta

      É melhor fazer primeiro a compostagem e depois colocar o composto nas plantas. Desta forma colocamos nas plantas diretamente adubo.

  • Lívia

    Olá,estou fazendo em casa. O q devo fazer no caso de aparecerem larva pequenininha. Esta acontecendo aqui.

  • Lívia Frankenfeld de Mendonça

    Gostaria de saber aonde adquirir essa composteira dupla, pois tenho interesse em iniciar a compostagem do material orgânico.Obrigada

  • Ailso

    Posso estar enganado, mas analisem os parágrafos separados pela tabela dos tipos de compostos (verdes e marrons) ao final do item D:

    No que fica acima diz: “É importante que a comida dos microorganismos tenha duas vezes mais carbono do que nitrogênio(…)”. Sendo que a classificação para compostos ricos em carbono é MARROM e compostos ricos em nitrogênio é VERDE.

    No parágrafo que fica abaixo da tabela: “Para que nosso processo de compostagem dê certo precisamos colocar o dobro de elementos verdes do que marrons”.

    Então qual parágrafo está certo??? Colocar mais compostos (o dobro) ricos em nitrogênio (verdes) ou ricos em carbono (marrons)?

    Pensando no fato de que produzimos mais compostos ricos em nitrogênio, presumo que seja esse a dobrar na composteira, não?

    Obrigado!

  • Elisabeth

    Muito bom; vou começar a fazer compostagem poi tenho jardim com residuos de folhas

  • paula

    parabens fico muito bom vou ldevar para escola que o professor pediu

  • adair a. moras

    PARABÉNS MIGUEL FICOU MUIITO BOM!!

    VAMOS FAZER UM BOM TRABALHO JUNTOS.

    OBRIGADO,

    ADAIR

    • Mirian

      Muito obrigado pela resposta não sabia que precisa colocar um produto para acelerar vou fazer caseira em balde plastico acredito que dará certo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.