Como cultivar tomate

Aprenda como cultivar tomate. Todo o que você precisa para o cultivo do tomate: variedades, cultivo, adubação, pragas, doenças…

Tomate

tomateNome Científico: Solanum lycopersicum.

Nomes Populares: Tomate.

Família: Solanaceae.

Clima: As temperaturas ideais para o cultivo são em torno de 25 °C durante o dia e entre 15 °C e 18 °C durante a noite.

Luminosidade: Pleno sol.

Ciclo de Vida: É uma planta perene, mas que é cultivada como anual.

1.PROPIEDADES NUTRICIONAIS

O tomate é rico em vitamina A, B1, B2, B3 e B6 e ácido fólico. Protege contra doenças cardiovasculares. É um dos principais alimentos antioxidantes, já que contem licopeno, uma molécula que ajuda a combater a oxidação e tem propriedades anticancerígenas. Os minerais mais abundantes na composição do tomate  são o potássio, fósforo,  magnésio e o cálcio.

2.VARIEDADES

Grupo Italiano

Tomate italianoPlantas com crescimento indeterminado. As variedades mais usadas deste grupo são San Vito, Jupiter, Andrea e Juliana.

-Peso de 150 a 200 gr.

-Frutos compridos com forma de pêra, em alguns casos pontiagudos, polpa espessa com coloração intensa, firmes e saborosos para consumo in natura.


Grupo Santa Cruz:

tomate santa cruz-Grupo de variedades com fruto de forma oblonga, de 80gr a 180gr de peso, ligeramente acido para consumo in natura.

-Plantas de crescimento indeterminado* e muito vigorosas. As variedades mais usadas deste grupo são a Santa Clara, a Kada e a devora.


Grupo Cereja (Mini- Grupo Cereja (Mini -tomate)

tomate cereja-Frutos pequenos de menos de 30 g de peso, que possuem pencas de 12 a 18 cachos.

-Formato globular ou periforme com diversas colações (vermelha, amarela, malva) com elevados teores de sólidos solúveis.

-Plantas com hábitos de crescimentos determinado e indeterminado.


Grupo Salada

Tomate saladaPlantas com crescimentos determinado e indeterminado. As variedades mais usadas deste grupo são Gisele, Leila, Rocio, Lumi, Gisele e Aliança.

-Conhecido também como Caqui ou tomate Japonês. Fruto globular achatado de 250 a 500g de peso médio, de coloração vermelha ou rosa para consumo in natura.


3.GENERALIDADES

cultivar tomateSegundo o tipo de crescimento, classificamos os cultivares de tomate como de crescimento determinado ou de crescimento indeterminado. As cultivares de crescimento determinado têm crescimento limitado, se desenvolvem rasteiramente no solo e são conhecidas popularmente como tomate rasteiro.  As plantas de crescimento indeterminado tem crescimento ilimitado, podendo chegar até 10m de comprimento. Neste caso faz-se o tutoramento  para que esta planta continue ereta.

-O tomateiro desenvolve-se bem tanto em condições de dias curtos quanto de dias longos

como cultivar tomate-A temperatura média no período de cultivo deve ser de 21 ºC, mas a planta pode tolerar uma amplitude de 10 a 34 ºC. O clima fresco, seco e alta luminosidade favorecem a cultura. Temperaturas acima de 32 ºC e excesso de chuvas prejudicam a frutificação, com queda acentuada de flores e frutos novos, além de favorecer as doenças.

-O tomateiro é tolerante quanto ao tipo de solo, devendo-se apenas evitar solos argilosos com tendência ao encharcamento. Melhores resultados são, contudo, obtidos em solo bem drenado, fértil e rico em matéria orgânica.

4.SEMEADURA

-Embora podemos fazer semeadura direta, é melhor produzir as mudas de tomate num ambiente protegido e posteriormente transplantá-las para o lugar definitivo.

-Para produzir mudas podemos utilizar bandejas de semeadura que encheremos com substrato para mudas. Outra alternativa para produzir as mudas é a utilização das  pastilhas de substrato.

cultivar tomateDicas para produção de mudas.

  1. Fazer pequenos buracos no substrato para colocar as sementes a uma profundidade aproximada de 1 cm.
  2. Colocar duas sementes por buraco e cobrir com substrato.
  3. Irrigar as bandejas/pastilhas de substrato  logo depois da semeadura.
  4. O controle da irrigação é a chave para ter boas mudas. A irrigação deve ser constante, sem excesso nem falta. Irrigar com um pulverizador manual  até que o substrato fique bem molhado todos os dias a primeira hora da manha e na tarde. A partir do vigésimo dia após a semeadura irrigar somente pela manha.
  5. As sementes demoram de 7-10 dias para germinar e precisam de uma temperatura entre 16 e 29C°. Em regiões de clima frio, colocar as bandejas no interior da casa, perto de uma janela bem ensolarada.
  6. Aos 20 dias após a semeadura, deixaremos em cada célula da bandeja somente uma planta, retirando as plantas mais fracas.
  7. Fazer uma adubação via foliar semanalmente.
  8. Fazer um tratamento preventivo com óleo de Neem diluído, 10 dias depois da semeadura.
  9. Quando a muda tiver entre 4 e 6 folhas podemos transplantá-la para o lugar definitivo.

5.CULTIVO

-O tomateiro é tolerante quanto ao tipo de solo, devendo-se apenas evitar solos argilosos com tendência ao encharcamento. Melhores resultados são, contudo, obtidos em solo bem drenado, fértil e rico em matéria orgânica.

Época de plantio

-Embora pode ser plantado o ano todo, é preferível  planta-lo em épocas com temperaturas amenas pouca precipitação e baixa umidade relativa do ar.

-A época ideal de plantio para a região sul do Brasil está compreendida entre Agosto e meados de dezembro  e entre março e meados de junho para o resto do país.

Cultivo em canteiro do tomateiro

-Quando cultivado em canteiros, a distancia entre linhas deve ser de 1m e  a distancia entre plantas 50 cm. É importante tirar as infestantes e cobrir o solo com palha o casca de pinheiro para proteger o solo.

Cultivo em vaso do tomate

como cultivar tomate em vasoA planta de tomate precisa de um vaso grande, de uns 25-30 litros de volume. É importante que o substrato não fique encharcado. Para isto colocamos uma camada de argila espandida no fundo do vaso e uma manta de vidim encima desta camada. Para melhorar a areação do substrato  vamos adicionar um pouco de perlita. Cobremos a superfície do vaso com casca de pinheiro ou palha para proteger o solo.

Tutorado

Quase todas as variedades precisam de estaquia para que esta planta continue ereta. Devemos colocar a estaca quando a planta é ainda pequena para não danificar  as raízes quando espetamos o tutor. Assim a planta cresce, iremos amarrando a planta ao tutor com a ajuda de uma corda, tendo cuidado de não estrangular  a planta.

Amontoa

tomate cultivo

Colocamos  terra no pé da planta com o objetivo de aumentar a quantidade de raízes e com isso aumentar a absorção de nutrientes da plantas. Realizamos a amontoa de 15 a 20 dias após o transplantio.

Poda

-Assim que a planta alcanças a altura desejada (1-2m.), podamos o broto terminal para parar o crescimento e  para que a planta se ocupe somente da produção de frutos.

-Corte o excesso de folhas com a tesoura de poda. Se houver muitas folhas crescendo, pode ser que a planta não receba luz solar suficiente para um crescimento saudável

-Corte qualquer ramo morto do ramo principal da planta com a tesoura de  poda. A limpeza da tesoura de poda reduz o risco de transferir doenças de outras plantas.

-Eliminar os brotos que saem nas axilas das folhas ou na haste (brotos-ladrões). Brotos laterais podem enfraquecer a planta.

 6.IRRIGAÇÃO

horta em vasos casa-Tomate precisa de irrigação limitada. Suporta bem a escassez de água e não o excesso. No momento da floração, uma irrigação abundante pode provocar a queda das flores diminuindo a produção de frutos. Após um período de seca,  uma irrigação abundante rasga os tomates.

-Na etapa de crescimento as tomateiras em vaso precisam de irrigação diária, mais no momento do desenvolvimento dos frutos, os tomates ficaram mais saborosos se irrigamos menos, uma irrigação a cada 2-3 dias. Devido  a tomateira ser uma planta muito propensa a sofrer doenças fungicas, não devemos molhar a parte aérea, sendo a irrigação por gotejo o sistema ideal para esta planta.

7. ADUBAÇÃO

-O tomateiro é considerado uma das espécies mais exigentes em adubação. Segue a continuação uma recomendação de adubação orgânica para uma cultura de tomate. Como adubos orgânicos recomendamos utilizar, humus de minhoca, bokashi, aminoacido a base de farinha de peixes, farinha de ossos e calcário de conchas.

8. PRAGAS E DOENÇAS

Pragas


 Pulgões

pulgaoSão pequenos insetos de 1 a 10 mm de comprimento que apresentam diversas colorações, de acordo com a espécie, entre o marrom,  verde,  amarelo,  vermelho,  cinza e o preto.

Se alimentam da seiva, perfurando os vasos condutores e transmitem virose.  Provocam descoloração, amarelamento, enrolamento e enrugamento das folhas, subdesenvolvimento de flores, frutos e de toda a planta.


 Mosca branca

fig_3_mosca_brancaSão pequenos insetos de coloração  branca ou amarelo pálida. Os ovos são de coloração amarela com forma de pêra e medem cerca de 0,2 a 0,3 mm

Causa danos por sucção direta e pela introdução de toxinas na planta que provocam alterações no desenvolvimento vegetativo e reprodutivo da planta, debilitando-a e reduzindo a qualidade dos frutos.


 Traça do tomateiro ( Tuta absoluta)

Traça do tomateiro ( Tuta absoluta)-Os adultos são pequenas mariposas de coloração cinza-prateado. Os ovos tem forma elíptico e coloração amarelada, tornan-se marrom-escuro quando próximos à eclosão.  As lagartas (o estágio da praga que ocasiona danos) medem cerca de 6 a 9 mm de comprimento, de coloração  inicial branca que muda posteriormente para verde-arroxeadas

-A larva causa danos  pela formação de minas nas folhas e se alimentam no interior destas. Podem destruir completamente as folhas do tomateiro, facilitam a contaminação de patógenos.


  Fungos


 Requeima (Phythophthora infestans)

sintomas requeima do tomate-No inicio causa manchas verdes pálidas e marrons que tornam-se marrons-escuras. Estas manchas aparecem no caule, nas folias e no fruto. É uma das doenças mais importantes do tomate e causa grandes danos.

-Doença fungica que acontece em todas as fases de desenvolvimento afetando a toda parte aérea


 Pinta preta

Sintomas pinta preta tomate (Alternaria solani)

-É uma doença que se dissemina pelo vento, água (chuva, irrigação) e as sementes contaminadas. É favorecida pelas altas temperaturas (28-32°C) e pela umidade relativa acima do 90%.

-Aparecem manchas circulares (anéis concêntricos) de coloração marrom a preta nas folhas, no cálice das flores e na inserção do pedúnculo em fruto.


Murcha de fusário

Sintomas fusarium tomate

É uma doença do solo que afeta gravemente a planta. Os sintomas mais visíveis são observados na parte aérea das plantas, que murcham, e as folhas amareleam, secam e caem a partir da base da planta. O sistema vascular escurece, o que pode ser observado fazendo-se um corte transversal no caule de uma planta doente.


 Bacterias

Murcha bacteriana Ralstonia solanacearum antiga Pseudomonas solanacearum

E uma doença de grande importância, especialmente em regiões de baixa altitude e úmidas

A planta murcha toda, de cima para baixo. Base do caule com descoloração vascularde cor marrom. Em condições severas pode causar morte da planta. Não devemos confundir ela com o fusarium, que tem uma sintomatologia parecida.


Erwinia spp.

Doença bactéria disseminada pela água (irrigação, chuva ), e os insetos, já que as bactérias penetram pelos ferimentos que provocam estes. É favorecida pelo excesso de nitrogênio na adubação.

Quando a planta ficar infestada, acontece um amolecimento dos tecidos, as plantas murcha nas horas mais quentes  e os frutos apodrecem internamente ficando aderidos a planta.


9.CONTROLE DE PRAGAS E DOENÇAS

A tomateira e uma planta muito propensa a padecer com doenças fungicas. Usaremos calda bordalesa para o controle de doenças.

Cultivando salsinha no mesmo vaso da tomateira diminuiremos a presença de pragas ja que esta planta tem propriedades repelentes..

A melhor forma de manter a planta livre de pragas e doenças é fortalecendo o solo e as plantas através da promoção do equilíbrio ecológico em todo o ambiente.As  plantas equilibradamente nutridas,  resistem melhor ao ataque eventual de um organismo prejudicial.

Quando a presença da praga torna se prejudicial para a planta, podemos fazer uso de defensivos naturais.

Autor: Miguel Lancho Jiménez

2 thoughts on “Como cultivar tomate

  • eu plantei algumas mudas de tomate cereja em garrafas pet,de ponta cabeça,mas as mudas estão morrendo,fiz conforme vi num video,o que eu não tenho certeza é da agua em como aguar.Vcs poderiam me ajudar?

    • MundoHorta

      Olá Valeria.
      A garrafa pet não é o melhor lugar onde colocar as mudas. Tente na terra ou num vaso tamanho médio-grande.
      O tomate não suporta o excesso de irrigação. Deve manter a terra ligeiramente húmida, nunca acharcada.
      Um abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.